Header Ads

Comitiva do Governo do Estado anuncia fusegate e investimentos para Ponto Novo

A reunião aconteceu na sede do Distrito de Irrigação (Web Interativa)
Na manhã desta quinta, 28, uma comitiva do Governo do Estado da Bahia esteve em Ponto Novo em reunião que discutiu a ampliação da Barragem e investimentos por parte do Governo.

O encontro contou com a presença dos secretários estaduais de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues, de Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri), Vitor Bonfim e de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), Cássio Peixoto, do diretor presidente da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Wilson Dias e de outros técnicos das secretarias presentes, além de lideranças políticas locais e regionais e movimentos sociais.

Para o secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, essa reunião, realizada a pedido do governador Rui Costa, com as três secretarias, SDR, Seagri e SIHS, além da CAR, com a comunidade local, teve como objetivo garantir, através da parceria com o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), por meio do projeto Pró-Semiárido, executado pela CAR, que os agricultores tenham o acesso à água. Além disso, o evento visou ainda apresentar a proposta de apoio à piscicultura, para a juventude rural ligada ao projeto, além da assistência técnica e da possibilidade de investimentos no turismo, na área de balneário da Barragem.

Rodrigues apresentou também algumas ações de inclusão produtiva que serão executadas pelo Pró-Semiárido em 12 comunidades do município de Ponto Novo, destacou os investimentos que estão sendo feitos por meio do projeto Bahia Produtiva, como o apoio às cadeias produtivas da pesca, aquicultura e caprinovinocultura, que estão com os editais abertos para inscrições e falou ainda da importância das parcerias: "Por meio da parceria entre governo estadual, prefeitura e movimentos sociais poderemos planejar e executar ações estratégicas permanentes, que trarão melhores condições de vida para o homem, a mulher e o jovem, que vivem no rural".

O titular da Seagri, Vitor Bonfim, reafirmou o compromisso do governo estadual em buscar soluções para o melhor uso da água para consumo humano e de produção de alimentos em toda a Bahia: "Com o uso adequado da água e aumento do perímetro irrigado, elevamos o potencial, em especial, de geração de renda e de divisas. As parcerias com a SDR, por meio da CAR, ofertará assistência técnica e agregação de valor à produção, com a SIHS, e, por meio da Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia (CERB), ampliar o abastecimento de água na região e em todo o estado".

Para o secretário da SIHS, Cássio Peixoto, o governo tem o desafio de melhorar ainda mais o abastecimento e a distribuição de água no Estado: "Essas melhorias já estão sendo planejadas e executadas por meio de uma política de reordenamento de abastecimento de água e saneamento, do plano de segurança hídrica e da execução de programas como o Água nas Escolas, Água Doce, que trarão benefícios para todos os municípios baianos". O secretário anunciou ainda que a CERB passará a ser responsável pelas ações de abastecimento de água na zona rural baiana, a exemplo das barragens, e destacou a parceria com a SDR, por meio da CAR, que realizou um estudo para a execução, pela CERB, das Centrais de Abastecimento.

O diretor presidente da CAR, Wilson Dias, ressaltou a importância da parceria com as outras secretarias estaduais e afirmou que Ponto Novo é um dos 30 municípios beneficiados com o projeto Pró-Semiárido. "A partir da ampliação do armazenamento de água na Barragem de Ponto Novo, em parceria com a CERB, poderemos executar parte do projeto Pró-Semiárido, com a implantação de agroindústrias, viabilizando o beneficiamento das frutas produzidas na região e promovendo a agregação de valor, além de ações de apoio à piscicultura, que envolverá a juventude rural. Esse encontro inaugura uma etapa importante de relacionamento entre essas três secretarias, SDR, SIHS e Seagri, que juntas deverão realizar ações concretas para atender às demandas desse município e da região".

Pró-Semiárido - O projeto, que será executado até 2021, atenderá comunidades de 30 municípios com ações como a assistência técnica e extensão rural contínua e especializada, fomento às atividades de segurança hídrica e de produção sustentável, agroindustrialização e comercialização da produção e acesso às políticas públicas para o meio rural, a exemplo do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), Água para Todos, Luz para Todos, Minha Casa Minha Vida, Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir), Regularização Fundiária, entre outros, além de valorizar a agroecologia, a participação de mulheres e jovens, associativismo e cooperativismo e inclusão de povos e comunidades tradicionais.

Fonte: PMPN

Faltou o mais importante: quando começarão as obras para ampliação da barragem?
Postar um comentário