Header Ads

Barragem de Ponto Novo: integração de sistemas na região de Senhor do Bonfim começa a operar em janeiro

A integração e ampliação dos sistemas de abastecimento de água dos municípios de Senhor do Bonfim, Andorinha, Jaguarari e Itiúba, um empreendimento de R$ 60 milhões realizado com recursos do PAC, BNDES e próprios da Embasa, está em fase de conclusão e entrará em teste de operação no mês que vem. Esta é a estimativa do gerente regional da Embasa, Vinícius Araújo, que considera essa obra uma grande conquista para a população desses quatro municípios e de seis localidades de Filadélfia. “Com a conclusão do sistema integrado, será possível levar água de qualidade para as localidades ainda não atendidas pela Embasa, melhorar o abastecimento nos sistemas já existentes e garantir mais segurança hídrica”, afirmou o gestor.

Quando começar a tratar e a distribuir água, o SIAA de Senhor do Bonfim vai atender cerca de 130 mil pessoas com água captada e tratada em Ponto Novo. Toda a estrutura montada para integrar os sistemas e ampliar a capacidade de atendimento da Embasa nessa região incluiu uma estação de tratamento de água com capacidade para produzir 330 litros de água por segundo, uma estação de tratamento de lodo residual do tratamento da água, 115 quilômetros (km) de adutoras com diâmetros variados, 66 km de redes de distribuição, 2.000 ligações domiciliares com hidrômetros e a construção de quatro reservatórios de água e de cinco estações elevatórias (bombas).

Água doce e regular para Itiúba

Com a conclusão do SIAA de Senhor do Bonfim, os itiubenses começarão a receber água doce pela rede distribuidora. Atualmente, a população recebe água com alto teor de sal da barragem de Rômulo Campos. Vinícius acredita que esta novidade vai melhorar consideravelmente a vida dos moradores. “A população vai depender menos de fontes alternativas de abastecimento e contará com água de melhor qualidade e com maior regularidade nas torneiras”, garantiu.

Localidades beneficiadas

Andorinha: Sede, Lagoa da Pedra, Medrado, Melancia, Quixaba, Salgado, Sítio do Domingos, Tanquinho do Poço e Vila Peixe.

Jaguarari: Sede, Aroeira e Cajueiro

Itiúba: Sede e Picos

Filadélfia: Alegre, Aguadas, Aroeira, Cabeça da Vaca, Cajueiro, Carrapato, Gavião, Morrinho, Mucunum e Poço d’água, Riacho do Mulungu e Várzea da Serra.

Senhor do Bonfim: Sede, Alagoinhas, Anacleto, Anjo, Baraúnas, Botequim, Cachoeirinha, Caldeirão de Dentro, Capote, Cariacá, Carrapichel, Caatinguinha, Campo do Meio, Cazumba I, Cazumba II, Cruzeiro,Gameleira, Garrote, Igara, Itapicuru, Lajes, Lagoa do Boi, Lagoa do Cocho, Lagoa da Pedra, Lagoa do Tanque, Lagoa Grande, Limões, Maria Preta, Mamoeiro, Passagem Velha, Pebas, Pé do Morro, Pereiros, Pinica-Pau, Quebra Facão, Queimada, Quicé, Rancharia, Raposa, Socotó, Sítio de Umburana, Tanquinho, Tapuia, Terreirinho, Três Morros, Troncho, Umburanas, Urubú, Várzea do Mulato e Várzea Comprida.

*Por Adriano Aleixo
Assessoria de Comunicação da Embasa
Unidade Regional de Senhor do Bonfim
Postar um comentário