Header Ads

Ponto Novo: Festa de Maio 2015 em análise

Primeiro dia da Festa de Maio na avenida (Portal Ponto Novo)
Da Redação
Portal Ponto Novo
A Festa de Maio 2015 passou, e o Portal Ponto Novo traz agora uma análise completa, sem enrolação ou maquiagem, de tudo que esteve claro, oculto e disfarçado nos dois dias de folia. O evento teve muitos detalhes que serão descritos a seguir:

Pontos fortes
Há alguns anos a segurança pode ser considerada o principal fator da Festa de Maio. Policiais espalhados nos quatro cantos da praça trouxeram tranquilidade aos foliões que puderam se divertir sem maiores incômodos. Apesar de registros de roubo de celulares, não se tem informações de ocorrências de maior gravidade.

Outro detalhe que contribuiu para uma festa tranquila foi a proibição da venda de bebidas em embalagens de vidro, detalhe muito bem observado pelos policiais que andavam e abordavam pessoas na praça. Ao encontrar garrafas de vidro, as recolhiam.

A ornamentação da Rua Bela Vista e da Praça Leônidas Freire também chamou a atenção e pode ser destacada como um ponto forte, afinal, foi algo inédito, bem como a proibição de barracas na parte frontal ao palco, deixando o espaço livre, até por questões de segurança. Apesar de alguns vendedores tentarem permanecer no local, a Prefeitura agiu e, de forma correta, os removeu dali.

Pontos fracos
O atraso de duas horas para início do show de Psirico foi uma situação vexatória, justificada pelo prefeito, devido a um problema no chuveiro do hotel aonde a banda estava hospedada, que não estava liberando água quente. Algo bobo, mas que, sabe-se lá por culpa de quem, fez as pessoas esperarem paradas na praça por intermináveis duas horas.

Em um decreto publicado pouco antes do início da festa, o prefeito proibia os sons automotivos, inclusive paredões, mas não teve coragem de impedir os que apareceram nos quiosques na entrada da cidade. Um deles estava com volume tão alto que o vocalista da Banda Nave Louca parou de cantar e brincou, pedindo para o dono desligar o som. Se for para não se fazer cumprir um decreto, pra que baixar e publicar?

O principal ponto fraco foi a média de público. É seguro afirmar aqui que, tanto na avenida quanto na praça, foi o pior público da Festa de Maio dos últimos 15 anos. No domingo, a praça estava com aproximadamente metade do que tinha no sábado, e era possível circular livremente entre as pessoas.

A política disfarçada
Apesar da intenção em disfarçar, o povo percebeu facilmente a união de velhos políticos com o surgimento de nomes que, provavelmente, disputarão as eleições de 2016. havia na festa uma preocupação em divulgar função, nomes de empresas ou órgãos ligados a futuros candidatos. Não se sabe nem se eles realmente contribuíram financeiramente para a realização da festa, porém seus nomes estavam lá, tanto no trio como no palco.

Ademais, a Festa de Maio ocorreu como programada, mas ficou claro que não foi uma festa marcante. Pessoas ouvidas na avenida e na praça pelo Portal Ponto Novo afirmavam que já estiveram em festas melhores. Um internauta criticou a puxada do trio e comparou-a a um velório, porque, segundo ele, o povo andava, sem nenhuma animação. Talvez as atrações deste ano não foram do agrado da maioria.

E você, qual a sua opinião sobre a Festa de Maio 2015?
Postar um comentário