Header Ads

2014 em Ponto Novo: um ano para relembrar ou esquecer?

2014 passou, mas o Portal Ponto Novo volta no tempo e traz à memória dos internautas, o que de bom e de ruim aconteceu na Administração Municipal durante o ano. Leia, analise e decida se é para relembrar ou esquecer.

FEVEREIRO
  • Enquete realizada por este Portal perguntava qual nota merecia o primeiro ano de mandato do prefeito Adelson Carneiro, e a nota 0 disparou com 38% dos votos. Os votos nas notas de 0 a 4, somados, chegaram a 63%, representando assim a insatisfação do povo com a atual administração;
  • No mesmo mês, era divulgada a notícia de que o prefeito já deixara de pagar mais de 600 mil reais ao Instituto de Previdência de Ponto Novo - IPPN;
  • As comemorações ao aniversário da cidade já seriam pífias, e acabaram por não acontecer devido à morte do radialista Marcos Cleyton. Em frente à Prefeitura foram apresentados desfiles cívicos, dos Jovens Desbravadores da Igreja Adventista do 7º Dia e da Filarmônica de Ponto Novo.
MARÇO
  • Professores da rede municipal já reclamavam da falta de reajuste salarial que deveria acontecer desde janeiro, o que também não ocorreu durante o ano de 2014;
  • Festa de Maio tem quase toda a programação definida e divulgada;
  • Balneário foi reaberto;
  • Banheiros públicos começaram a ser construídos na Praça do Comércio;
ABRIL
  • Estádio de Ponto Novo ganha iluminação e vestiário;
  • Com um mês de antecedência, Prefeitura divulga programação oficial da Festa de Maio;
  • Alagamentos e transtornos após fortes chuvas em Ponto Novo. Terminal Rodoviário e a entrada da cidade ficaram inundados.
MAIO
  • Prefeitura recebeu recursos oriundos de Ajuste do Fundeb 2013, porém, os professores nem viram a cor do dinheiro e também não souberam para onde entrou;
  • Sanitários Públicos foram inaugurados durante a Festa de Maio;
  • Festa de Maio aconteceu na Praça do Comércio com Tayrone Cigano e Harmonia do Samba.
JUNHO
  • Prefeitura aproveita o jogo de entreia do Brasil na Copa do Mundo e tenta realizar Processo Seletivo na surdina, mas o Portal Ponto Novo denuncia e ainda consegue avisar a centenas de pessoas que conseguiram se inscrever no último dia das inscrições. Prefeito não dá satisfação sobre a mancada e o povo se revolta na cidade.
JULHO
  • Portal Ponto Novo denuncia que Ponto Novo gasta mais do que recebe do Fundeb e alerta quanto à possibilidade de atrasos no pagamento de salário ou não pagamento de benefícios aos funcionários;
  • Prefeitura concede alvará a bingo que termina em quebra-quebra e muita confusão na Praça do Comércio, depois que a Justiça o interrompe.
AGOSTO
  • InterativaPN denuncia paralisação e abandono das obras da creche municipal e o prefeito desconversa, alegando problemas com a empresa ganhadora da licitação e com o ex-gestor;
  • Deu num site de Bonfim: no feriado de Corpus Christi, prefeito viajou para Salvador com diária paga pelo município;
  • Construção de passagem molhada vira caso de polícia envolvendo vereador Michel e o prefeito Adelson.
SETEMBRO
  • Crime ambiental: riacho de água salgada e poluida deságua no Rio Itapicuru, a 100 metros de onde os caminhões pipas abastecem para levar água para os moradores da zona rural, sem nenhuma ação por parte da prefeitura;
  • Festa de Barracas é realizada com Página Virada, Branquinho, Dory Casa Nova e Show Mania;
  • Prefeitura realizou um Desfile Cívico de 7 de setembro pobre e sem criatividade, sendo motivo de chacota na cidade.
OUTUBRO
  • Portal Ponto Novo alerta sobre a possível não realização da Festa dos Evangélicos.
NOVEMBRO
  • Prefeito baixa decreto visando corte de gastos no município;
  • Portal Ponto Novo denuncia que contas do Fundeb de Ponto Novo pareciam boletim escolar de aluno reprovado.
  • Festa dos Evangélicos não aconteceu e nenhuma nota foi divulgada, nenhuma satisfação foi dada ao povo.
DEZEMBRO
  • IntarativaPN denuncia que moradores do Portal das Águas estão indignados com a falta de atenção do Poder Público naquele bairro;
  • Professores terminam o ano sem receber o adicional de férias;
  • Apesar de todos os cortes e não pagamentos e da não realização da Festa dos Evangélicos, Prefeitura realiza Festa de Réveillon.
Postar um comentário