Header Ads

Sequestro da família de funcionário do BB de Ipirá termina em perseguição. Um bandido foi morto

Um funcionário do Banco do Brasil, identificado pelo prenome Kleber, e sua família viveram momentos de terror na noite deste domingo (09), no município de Ipirá. Segundo a polícia, um sequestro resultou em perseguição e, durante a fuga, os bandidos deflagraram mais de 100 tiros contra os policiais na BA-052. Tudo começou quando a vítima (Kleber) foi abordada por dois criminosos no momento em que estava dentro de seu carro, na porta de casa, localizada no Bairro Agnaldo Lima, próximo à prefeitura. 

Os bandidos invadiram a casa de Kleber, mas um vizinho notou o que estava acontecendo e acionou a polícia. No momento em que os bandidos estavam saindo da residência foram surpreendidos pela polícia e o funcionário do banco, que estava com a esposa e o filho, ficaram no meio do fogo cruzado. 

Os bandidos ordenaram que Kleber fosse dirigindo e fizeram várias ameaças dentro do carro. No entanto, ao passar pelo “campo de Paulo”, trecho da BA-052, os bandidos abandonaram o carro, libertaram as vítimas e fugiram a pé pelo matagal. No confronto, um bandido foi morto e identificado como Gilberto Santos dos Reis, de 25 anos, natural de Itabuna. A polícia pediu reforço de oficiais de outras cidades para a captura do bandido que fugiu para o matagal que dá acesso ao povoado Ipirazinho. Segundo informações da polícia, a quadrilha estava dividida em dois grupos a bordo de uma caminhonete Hilux e uma Pick-up Strada de cor branca. 

Por Cristina Villarino
Postar um comentário