Header Ads

Saúde: advogado invade residência, agride radialista e o ameaça de morte

Por volta das 22 h deste domingo (22), o radialista e jornalista Ribeiro Sousa, da rádio Paiaiá FM, e Diretor do site RF Noticias, foi agredido com socos no olho, no interior de sua residência, pelo advogado Joel Caetano da Silva Neto e mais dois homens, um identificado como Zé Altiva.
 
Após a agressão, o radialista ainda sofreu ameaças de morte. O fato ocorreu em razão de o radialista ter denunciado no jornal “A Hora da Verdade”, que ele apresenta na Rádio Paiaiá FM, que o referido advogado vinha cobrando R% 3.500,00 para aposentar idosos, sendo que os beneficiados teriam que tomar um empréstimo consignado do valor acordado para quitar a dívida.

Apesar de ter feito a denúncia no jornal, o radialista não teria citado o nome do advogado por ainda estar investigando a denúncia. Ocorre que um dos clientes do advogado é a senhora Eunice Alves dos Santos, que é sogra do jornalista Ribeiro Sousa.
A postura do advogado em cobrar valores altíssimos para encaminhar aposentadoria e forçar os idosos a tomar empréstimos vem ocorrendo há mais de três anos na cidade de Saúde e região, de acordo com a investigação feita pelo radialista, que ouviu de alguns aposentados.

A imposição arbitrária do advogado faz com que o aposentado fique endividado, pagando o dobro do valor cobrado pelo serviço. De acordo com a Lei que rege honorários advocatícios, o advogado teria de cobrar somente 20% do valor do benefício, em primeira instância, podendo chegar a 30% em instâncias superiores.

A agressão do advogado Joel Caetano da Silva Filho Neto contra o radialista Ribeiro Sousa é mais uma tentativa brutal de tentar calar a voz da imprensa que age em defesa do cidadão.

A Polícia Militar foi acionada e prestou socorro ao radialista, que foi atendido no Hospital Municipal de Saúde, onde foi medicado. Nesta segunda-feira será registrado boletim de ocorrência na delegacia local e na 16º Coorpin, em Jacobina, onde será instalado inquérito policial.

O fato também será denunciado em toda imprensa baiana, na secretária Estadual de Segurança Pública e comissão de Direitos Humanos do Estado da Bahia. Além do radialista, os agressores chegaram a agredir seu filho de 15 anos e fizeram ameaças contra toda sua família.
 
Do RF Noticias
Postar um comentário