Header Ads

ADAB descobre abate clandestino em Filadélfia

No dia de ontem, sexta-feira (20/09), em uma operação da ADAB no município de Filadélfia, foram apreendidos dois bois abatidos CLANDESTINAMENTE que estavam de posse de dois funcionários de um frigorífico de Filadélfia, cujo proprietário é um político da cidade.

De acordo com informações dos agentes da ADAB a carne seria comercializada neste sábado na Feira Livre em Filadélfia. A multa será de R$ 7.000,00.

Todos sabem que o abate clandestino de animais é uma conduta criminosa e incomoda a população filadelfense. Tal conduta é desrespeitosa e ofensiva à saúde da população, já que são oferecidas mercadorias inapropriadas para o consumo, podendo provocar sérias doenças; pode acarretar poluição ambiental com o depósito irregular da mercadoria ou com dispensa de dejetos, de forma inapropriada, no solo, em mananciais etc.; e viola direitos básicos da população.
Para Willadesmon Silva, “O abate clandestino representa um dos mais preocupantes fatores de risco à saúde pública, pela exposição a agentes infecciosos e parasitários, como aqueles que são transmitidos ao homem pelos animais, pela ingestão de alimentos de qualidade sanitária suspeita e pela contaminação do meio ambiente. Também representa um grande desafio para as autoridades sanitárias porque impede o controle sanitário e a rastreabilidade da carne, tanto na ausência de exame adequado das carcaças, quanto pela inobservância de normas e procedimentos sanitários durante a manipulação do animal, que ofende a legislação e o direito do consumidor. Trata-se de um crime contra os consumidores que precisa ser coibido com veemência pelos poderes públicos”.

Fonte: Filadélfia ao Vivo
Postar um comentário