Header Ads

Preso responsável por atentado a bomba em lanchonete de Jacobina

Um suspeito pelo atentado que deixou seis pessoas feridas em Jacobina foi preso nesta terça-feira (13). Anderson de Oliveira Lopes, 18 anos, é ex-namorado de Camila Aquino dos Santos, 18, que teve 80% do corpo queimado e está internada no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador.

De acordo com o delegado Fábio Santos, coordenador da 16ª Coordenadoria de Polícia Civil (Coorpin/Jacobina), Anderson não aceitava o fim do namoro. “Ele já tinha ameaçado a vítima algumas vezes porque não aceitava o término do relacionamento. Isso foi comprovado pelos parentes de Camila. Inclusive, no dia do crime, ele ligou várias vezes para o celular dela querendo saber onde ela estava”, explica.


O coquetel molotov, bomba incendiária de fabricação caseira, foi lançado na lanchonete Cuscuz.com Recheio, na Praça Dois de Julho, na noite de quarta-feira passada (8). A irmã de Camila de nove anos, o pai José Raimundo de Lima, 36, Rebeca Coelho de Oliveira Lima, 19, Saane Silva Souza, 22, e Dailtom Medeiros da Silva, 27, também ficaram feridos.

O delegado descarta a participação de outras pessoas no atentado. “Tivemos algumas vítimas que o reconheceram e testemunhas que viram o momento em que ele enrolou uma bomba junina na garrafa pet. É uma situação passional. Infelizmente, esse rapaz veio a lesionar várias pessoas em uma atitude inconsequente”, afirma.

Segundo o coordenador, Anderson demonstra arrependimento. “Ele fala a todo momento que fez uma besteira. Ele está transtornado”, diz.

Camila e a irmã estão na Unidade de terapia intensiva (UTI) do HGE e têm quadro de saúde considerado estável, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde da Bahia (Sesab). O pai das meninas continua internado no Hospital Antônio Teixeira Sobrinho, em Jacobina.

O delegado Rogério Menezes, titular da Delegacia Territorial (DT) de Jacobina, informou que o inquérito que apura o crime já está em fase de conclusão e deverá ser remetido à Justiça nos próximos dias.

Anderson será indiciado por tentativa de homicídio e ficará custodiado na carceragem do Complexo Policial de Jacobina à disposição da Justiça.

Fonte: Portal do Cleriston Silva
Postar um comentário