Header Ads

Nota de Esclarecimento Público

Em razão dos últimos acontecimentos ocorridos na campanha eleitoral do Município de Ponto Novo/BA onde, de forma irresponsável, leviana e mentirosa divulgou-se que a Justiça eleitoral haveria emitido certidão desconhecendo a Pesquisa Eleitoral realizada pela P&A - Instituto de Pesquisa e Analise Social e Econômica Ltda, viemos a público, esclarecer os fatos.
A P&A - Instituto de Pesquisa e Analise Social e Econômica Ltda sempre primou pelo compromisso com a verdade e o respeito com a população, razão pela qual, todas as pesquisas eleitorais que realiza obedecem rigorosamente a todos os critérios impostos pelo o art. 33º e seus § § 1º e 2º da Lei nº 9.504/97, bem como da RESOLUÇÃO Nº 23.364 de 17 de novembro de 2011 do Tribunal Superior Eleitoral.
Nesse diapasão, o instituto informa que realizou Pesquisa Eleitoral no município de Ponto Novo, ouvindo 400 pessoas entre os dias 25 e 27 de Agosto, com margem de erro de 5 pontos percentuais e obteve o seguinte resultado acerca das intenções de voto para prefeito: Marcos Silva 48,2%, Adelson Maia 20,5%, Deto Venâncio 19,5%, Indecisos 10,5 e Nenhum 1,3%.
Importa destacar que a Referida pesquisa está devidamente registrada perante o TRE/BA sob o nº 00113/2012, diferente do que foi veiculado na cidade de Ponto Novo, através de SMS, matérias da internet e por algumas coligações.
Vale ressaltar que, de acordo com a Legislação pátria vigente, “Para o registro de pesquisa, é obrigatória a utilização do Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais, disponível nos sítios dos Tribunais Eleitorais.” (Art. 4º, RESOLUÇÃO Nº 23.364/2011) e assim, não há nenhuma orientação legal para que seja comunicado ao Cartório da Zona Eleitoral, visto que o próprio sistema do Tribunal Regional Eleitoral já disponibiliza todos os dados.
Com efeito, em simples consulta ao sítio eletrônico do Tribunal Superior Eleitoral (PesqEle) (http://pesqele.tse.jus.br/pesqele/jasper/relatorio/EditalPublicacaoJasper/gerarRelatorio.action?id=6884) observa-se o devido registro da Pesquisa, comprovando portanto o desrespeito, a mentira e a leviandade daqueles que tentam macular a imagem de uma empresa tão bem conceituada e respeitada como a P&A - Instituto de Pesquisa e Analise Social e Econômica Ltda.
Informamos ainda que nosso trabalho tem compromisso com a verdade e seriedade e, em 25 anos de existência, jamais divulgamos dados mentirosos para agradar a quem quer que seja.
Embora não havendo nenhuma exigência legal para que o Cartório da zona eleitoral seja comunicado acerca do registro da pesquisa, já foi protocolada perante o Cartório da 115ª  ZONA ELEITORAL da Comarca de Saúde o aviso, bem como os dados da Pesquisa registrada no TRE/BA sob o nº 00113/2012, como  comprova a certidão anexa.
Por fim, a P&A - Instituto de Pesquisa e Analise Social e Econômica Ltda ressalta que já está adotando todas as medidas cabíveis para apuração e responsabilização dos envolvidos na divulgação da leviana e irresponsável matéria, desrespeitando a Legislação vigente, maculando a imagem deste conceituado Instituto de Pesquisa.

Salvador, 12 de setembro de 2012

Atenciosamente,

Diretora
P&A - Instituto de Pesquisa e Analise Social e Econômica Ltda
Clique para ampliar

Postar um comentário