Header Ads

Homem é preso por suspeita de estuprar o próprio filho no Rio

Ele diz ser pai de santo e foi preso na porta de casa por policiais da DCAV.
Segundo a polícia, menino de 12 anos relatou estupro a policial psicólogo.

José Rodrigues Dias foi apresentado na DCAV
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Policiais da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV) prenderam, na tarde desta terça-feira (3), José Rodrigues Dias, de 29 anos, suspeito de estuprar o próprio filho, de 12 anos. Dias, que se identificou como pai de santo da religião Tambor de Mina Vodum, foi preso na porta de casa, em Benfica, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Ele não reagiu e, agora, vai cumprir a prisão preventiva expedida pela Justiça.
O policial e psicólogo que conversou com a criança relatou que ela disse que “depois (da prática dos atos libidinosos), ele (o pai) conversava comigo, dizia que isso (referindo-se aos atos) era errado”. A criança completou: “ele dizia que não sabia o que vem na cabeça dele. Aí, ele fazia”.
A polícia afirmoou ainda que Dias disse que, durante os rituais de religião dele, há momentos em que fica em transe, mas que jamais poderia cometer tais atos.

G1 RJ
Postar um comentário