Header Ads

PINDOBAÇU: Policiais apreenderam farinha de tapioca pensando que era cocaína

A comedia aconteceu na BA que liga os municípios de Antonio Gonçalves a Pindobaçu. Durante entrevista à Radio Caraíba, a mãe de uma das vítimas contou ao repórter Ivan Silva como tudo teria acontecido, “minha mãe reside em Pindobaçu, mandei meu filho e dois colegas irem até a casa dela levar um quilo de farinha de tapioca, feijão de corda e banana café.

Continuou narrando o fato, "eles foram de carro, e quando iam se aproximando de Pindobaçu, três homens em um carro fizeram abordagem, se identificaram como policiais, apontaram as armas na direção dos meninos e mandaram eles descerem do carro, pediram os documentos do veiculo e a CNH do motorista, como estava tudo ok, os policiais mandaram que eles abrissem o fundo do carro, foi ai onde tudo aconteceu", contou a senhor Neura.

Quando o porta-malas do carro foi aberto, os policiais se depararam com uma caixa, e dentro tinha farinha (tapioca), quando os policias viram, perguntaram o que era aquilo, um dos ocupantes do carro teriam informado que era tapioca, mais mesmo assim os policiais não acreditaram, deram voz de prisão, e achando que haviam apreendido grande quantidade de cocaína, levaram a tapioca e os três jovens para a delegacia de Pindobaçu, quando chegaram à delegacia que apresentaram a tal droga e os acusados, o delegado teria informando que não se tratava de cocaína, e sim, de uma boa tapioca de fazer beiju.
Os homens foram liberados, e a eles foram entregues de volta o feijão de corda, a banana café e a tapioca.

Fonte: Ivan Silva Notícia
Postar um comentário