Header Ads

Revoltada, população invade delegacia, mata e queima preso em Tapiramutá

Revolta e vandalismo no inicio da noite desta segunda-feira (14), na cidade de Tapiramutá, localizada na região de Jacobina. Um homem foi morto e teve o corpo queimado no meio da rua. Lucas Pio de Jesus, (vulgo Lunguinha), 23 anos, tinha sido preso na madrugada de domingo (13), acusado de matar o deficiente visual Flávio Mendes Queiroz, 82 anos. O aposentado foi  morto brutalmente por Lunguinha e outro comparsa, que teriam assassinado a vítima para um roubar um rádio portátil.
Para fazer justiça com as próprias mãos, à noite, os populares destruíram as grades da cela, retiram o preso, que foi espancado e ferido com golpes de facão e machada. Para completar o linchamento, atearam fogo ao corpo de Lunguinha, que morreu carbonizado. Segundo as primeiras informações, outros presos que estavam na delegacia teriam conseguido fugir. O clima na cidade é de muita tensão e medo. 

Fotos: Gazeta da Chapada
Postar um comentário