Header Ads

Municípios da região recebem cestas de alimentos do MDS

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) destinou 5 mil cestas de alimentos às vítimas da estiagem na Bahia. Também serão enviadas ao estado 2 mil toneladas de feijão, mil toneladas de arroz e 1 milhão de litros de suco de laranja. Os produtos serão encaminhados aos municípios do Semiárido baiano, próximos à cidade de Senhor do Bonfim, a 376 quilômetros de Salvador, segundo a Defesa Civil Estadual.
Os alimentos são provenientes do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), coordenado pelo MDS. Cada cesta contém 10 kg de arroz, 2 kg de açúcar, 3 kg de feijão, 2 kg de farinha de mandioca, 1 kg de macarrão, duas latas de óleo de soja, 2 kg de leite em pó e 1 kg de flocos de milho. Por meio do PAA, o governo federal compra a produção da agricultura familiar, sem licitação, e distribui a escolas, creches, entidades socioassistenciais e à rede de equipamentos públicos de alimentação e nutrição (Restaurantes Populares, Cozinhas Comunitárias e Bancos de Alimentos).
O governo da Bahia é responsável pelo transporte e distribuição dos produtos. As cestas de alimentos estão nos armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), no Rio Grande do Norte, informou a coordenadora de Acompanhamento de Políticas Sociais da Casa Civil do governo da Bahia, Fernanda Yanase.
Água potável – De acordo com ela, outros órgãos do governo federal também estão apoiando o estado a socorrer as vítimas da estiagem. O Exército, por exemplo, está levando água potável em carros-pipa aos municípios castigados pela seca. Além de causar prejuízos à agricultura e à pecuária, a falta de chuva representa uma ameaça à saúde pública.
Ainda segundo a coordenadora, o estado direcionou R$ 5 milhões do Fundo de Combate à Pobreza às ações emergenciais. Atualmente 158 cidades são reconhecidas pelo governo da Bahia como em situação de emergência.

Fonte: MDS
Postar um comentário