Header Ads

Bilhete premiado

Um débito indevido de 44 reais na fatura de um cartão de crédito se transformou, como num passe de mágica, em 300 milhões de reais. Como? A devolução foi requerida na Justiça pelo cliente lesado.

Sabe-se lá como, o juiz fez as contas e chegou a essa estratosférica soma. O recurso será julgado nas próximas semanas pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco. Se ganhar a causa, o credor terá multiplicado 44 reais por quase o valor de duas Mega-Senas da Virada.
Por Lauro Jardim/Veja
Postar um comentário